Exclusivo para assinantes UOL

Opinião: Ao agir como Trump, o prefeito de Tijuana piora a crise da caravana de imigrantes

León Krauze

  • BBC

    'Migrantes, em Tijuana somos hospitaleiros e tolerantes, mas não somos idiotas', diz cartaz de protesto

    'Migrantes, em Tijuana somos hospitaleiros e tolerantes, mas não somos idiotas', diz cartaz de protesto

Com o fim das eleições legislativas, a maioria dos americanos parou de prestar atenção à caravana de migrantes que saiu de Honduras no início de outubro. Mas o fluxo de pelo menos 2.500 migrantes do grupo em Tijuana tem inquietado a agitada cidade fronteiriça. Migrantes vêm chegando continuamente a Tijuana nas últimas semanas com a intenção de buscar asilo nos Estados Unidos. Como os pontos de entrada têm processado muito lentamente os pedidos potenciais de refúgio, os migrantes encontraram um gargalo que provavelmente os manterá na área por meses, se não mais.

UOL Cursos Online

Todos os cursos