Companheira de Lula nos momentos bons e ruins, diz Suplicy sobre Marisa

Bruna Souza Cruz

Do UOL, em São Paulo

  • Bruna Souza Cruz/UOL

    "Marisa era uma companheira muito dedicada, ótima mãe e avó", disse Suplicy

    "Marisa era uma companheira muito dedicada, ótima mãe e avó", disse Suplicy

O vereador por São Paulo e ex-senador Eduardo Suplicy (PT) chegou ao hospital Sírio Libanês pouco depois da 13h para prestar solidariedade à família da ex-primeira-dama Marisa Letícia, que teve morte cerebral diagnosticada nesta quinta-feira (2).

"Marisa era uma companheira muito dedicada, ótima mãe e avó. Ela era uma companheira que sempre pode dar força ao Lula, nas horas alegres e difíceis", comentou.

Suplicy disse que ainda não conversou com o ex-presidente, mas que veio também prestar uma homenagem à ex-primeira-dama.

"Estamos tristes. Ainda na semana passada quando estive aqui, tive oportunidade conversar bastante [com Lula] sobre a Marisa, a vida."

Por volta da 13h30, além de Suplicy, já tinham chegado ao hospital o vereador por São Paulo Antônio Donato (PT),  a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), o senador Lindbergh Farias (PR-RJ) e Celso Amorim, ex-chanceler do governo Lula.

O deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP) disse que parlamentares petistas seguiram de Brasília para São Paulo em um voo às 17h.

A trajetória de uma ex-primeira-dama

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos