"A Venezuela é aqui", diz Janot sobre falta de combustíveis no país

Do UOL, em São Paulo

  • Lucas Lacaz Ruiz/Estadão Conteúdo

    Posto de combustíveis de São José dos Campos (SP) enfrenta desabastecimento devido à greve dos caminhoneiros

    Posto de combustíveis de São José dos Campos (SP) enfrenta desabastecimento devido à greve dos caminhoneiros

O ex-Procurador-Geral da República Rodrigo Janot usou sua conta no Twitter para reclamar do desabastecimento de combustíveis no país. A situação é resultado de uma paralisação dos caminhoneiros, que protestam desde segunda (21) contra a alta no preço do diesel.

"A Venezuela eh aqui [sic]. Desabastecimento inacreditável. E reação zero. Brincadeira", escreveu Janot.

Nesta quinta (24), a greve dos caminhoneiros enfrenta seu quarto dia. O governo anunciou que irá zerar a Cide (Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico), imposto que incide sobre combustíveis, e a Câmara aprovou a isenção do PIS/Cofins sobre o diesel. Além disso, a Petrobras anunciou redução de 10% no preço do diesel nas refinarias. Os caminhoneiros, no entanto, não concordam plenamente com as medidas e permanecem em greve.

Com a realização de bloqueios em diversas estradas do país, a paralisação causa transtornos no fornecimento de diversos produtos e serviços.

Como os caminhões-tanque não conseguem se deslocar, há relatos de falta de combustíveis em postos de pelo menos quatro estados –São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná e Mato Grosso—e no Distrito Federal. Aeroportos também estão sendo afetados e alguns voos tiveram de ser cancelados.

Em São Paulo, a prefeitura suspendeu o rodízio municipal de carros nestas quinta e sexta. A cidade pode ter sua frota de ônibus reduzida pela metade amanhã devido à falta de combustível.

Outros serviços, como abastecimento de água, gás de cozinha, energia elétrica, alimentos e remédios também começam a sofrer prejuízo devido à paralisação

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos