Topo

Após convulsão, senador Jorge Kajuru deixa UTI em hospital de Brasília

Jorge Kajuru é diabético e descumpriu orientação médica para votar a reforma da Previdência - Roque Sá/Agência Senado
Jorge Kajuru é diabético e descumpriu orientação médica para votar a reforma da Previdência Imagem: Roque Sá/Agência Senado

Gilvan Marques

Do UOL, em São Paulo

21/11/2019 18h41Atualizada em 21/11/2019 20h19

O senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) recebeu alta da UTI (unidade de tratamento intensivo) do Hospital Sírio-Libanês, em Brasília, hoje à tarde. Ele foi internado na última terça (19), após passar mal e ter uma convulsão no plenário do Senado Federal.

Segundo o boletim médico, Kajuru teve "quadro neurológico resolvido" e, agora, segue para o quarto onde recebe a medicação oral. Os exames revelaram uma cicatriz —provavelmente de uma infecção antiga já tratada— no cérebro.

"Essa cicatriz, associada ao estresse, pode ter contribuído para a convulsão", diz trecho do boletim.

Ao UOL, a assessoria explicou ainda que os médicos recomendaram a Kajuru ao menos uma semana sem as atividades parlamentares. "Ele deve ter alta até o fim de semana".

O senador Jorge Kajuru passou mal durante a sessão de votação da chamada PEC (Proposta de Emenda à Constituição) paralela. O parlamentar foi atendido por parlamentares que são médicos e levado ao posto médico do Senado por servidores do Senado.

Em seguida, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), explicou que Kajuru teve uma convulsão e foi transferido para o Hospital Sírio Libanês, em Brasília, para investigar o que motivou o mal-estar.

Política