PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
3 meses

Bolsonaro é paciente difícil e quer trabalhar no hospital, diz Carla Araújo

Colaboração para o UOL

14/07/2021 19h25

Após um diagnóstico de obstrução intestinal, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) foi internado, teve a agenda cancelada e deve ficar de repouso nos próximos dias. Mas segundo Carla Araújo, colunista do UOL, ele não costuma seguir essas ordens de descanso facilmente e deve trabalhar no hospital se não for operado.

"Muitas pessoas que convivem com Bolsonaro dizem que ele é um paciente difícil. Isso é, em momentos que precisa descansar, desligar, ele tem certa dificuldade", afirmou Carla em entrevista ao UOL News hoje.

Questionada se Bolsonaro conseguiria despachar mesmo no hospital, Carla indicou que é possível, até porque o vice-presidente, Hamilton Mourão (PRTB), pode sair do país.

"O Mourão tem viagem para Angola. Vamos apurar se ele vai mesmo. Mas o que tem de momento é que hoje e amanhã as agendas do Bolsonaro estão suspensas. Se for feita cirurgia, os médicos certamente vão pedir que isso se estenda".

De acordo com Carla, pessoas próximas ao presidente dizem que há possibilidade dele fazer uma operação ainda hoje. Por enquanto ele vai fazer exames e há expectativa de divulgação de um novo boletim médico ainda hoje, que pode confirmar a necessidade de cirurgia.

Política