OMS inclui SP em área de risco de febre amarela; vacinação é antecipada

Do UOL, em São Paulo

A OMS (Organização Mundial da Saúde) incluiu todo o Estado de São Paulo na área de risco de transmissão de febre amarela. Em um comunicado publicado nesta terça-feira (16), a organização diz que a vacinação é recomendada para quem viaja para qualquer parte do Estado.

A recomendação da OMS tem como objetivo alertar viajantes internacionais sobre a necessidade de tomar a vacina contra a febre amarela 10 dias antes de viajar para São Paulo. A organização justifica o novo posicionamento devido ao aumento no número de casos e de mortes. Até então, apenas parte de São Paulo era considerada área de risco de transmissão.

Atualmente, segundo a OMS, a vacina para viajantes internacionais é recomendada também para os Estados das Regiões Centro-Oeste e Norte do Brasil, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Maranhão, além de partes dos Estados da Região Sul, Bahia e Piauí. 

Com o aumento da preocupação com relação à doença, o Governo de São Paulo decidiu antecipar a campanha de vacinação com doses fracionadas para o dia 29 de janeiro. "Em quinze dias de campanha, queremos triplicar o número de pessoas vacinadas no Estado", disse o secretário de Estado da Saúde, David Uip.

O número de mortes por infecção por febre amarela no Estado de São Paulo chegou a 21 do início de 2017 até o momento. Já os casos autóctones (infecções contraídas dentro do Estado de São Paulo) chegaram a 40.

Os casos que evoluíram para óbito foram contraídos em Américo Brasiliense, Amparo, Atibaia, Batatais, Itatiba, Jarinu, Mairiporã, Monte Alegre do Sul, Nazaré Paulista, Santa Lucia e São João da Boa Vista. Ao menos oito dessas mortes foram confirmadas no início de ano. 

Veja também:

Campanha de vacinação será antecipada

A campanha de vacinação no Estado com doses fracionadas, inicialmente prevista para começar no dia 3 de fevereiro, foi antecipada e terá início no dia 29 de janeiro em 54 cidades. A campanha terminará em 17 de fevereiro. A meta de vacinação também foi ampliada, de 7,3 milhões para 8,3 milhões de pessoas. 

Haverá dois "dias D", com vacinação aos sábados, nos dias 3 e 17 de fevereiro. A vacinação é destinada para pessoas ainda não vacinadas. O município de São Caetano do Sul foi incluído na relação dos que receberão a campanha. 

Além disso, outros doze municípios que teriam vacinação em bairros específicos agora serão contemplados em sua totalidade. Serão alcançadas as regiões da Grande São Paulo, Vale do Paraíba e Baixada Santista. 

Na capital, a campanha visa imunizar 2,5 milhões de pessoas que residem em distritos previamente definidos das zonas Leste e Sul (Capão Redondo, Cidade Tiradentes, Grajaú , São Mateus, entre outros). 

De acordo com a Secretaria de Saúde, 7 milhões de pessoas foram vacinadas em todo o Estado no ano de 2017. 

Newton Menezes/Futura Press/Estadão Conteúdo
Fila para vacinação contra febre amarela na UBS Jardim Peri, próximo ao Horto Florestal, na zona norte de São Paulo

O que é a vacina fracionada?

No fracionamento da vacina da febre amarela, a mesma vacina é utilizada, só que em dose menor. A diferença está no volume e no tempo de proteção. A dose padrão possui 0,5 ml e protege por toda a vida, enquanto a dose fracionada tem 0,1 ml e protege por oito anos, segundo estudos realizados pelo Instituto Biomanguinhos, da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz), fabricante da vacina.

A vacina fracionada terá um selo especial. Isso permitirá a diferenciação e, no futuro, a recomendação para que o reforço seja realizado com outra dose. Um estudo demonstrou que, 8 anos depois da aplicação da dose reduzida, voluntários continuavam protegidos contra a doença. Para os pesquisadores, esse prazo pode ser maior. Isso será determinado no futuro, com o acompanhamento dos pacientes.

Quem deve tomar a dose fracionada?

A vacinação fracionada é recomendada para pessoas a partir dos dois anos de idade. Quem tomar a vacina dessa forma deverá retornar aos serviços de saúde após oito anos para receber uma dose de reforço.

Quem não poderá tomar a dose fracionada?

A dose fracionada não é indicada para crianças de 9 meses a menores de dois anos por não haver estudos sobre a sua eficácia para esse público. Ela também não é indicada para pessoas com condições clínicas especiais (como vivendo com HIV ou em período final de quimioterapia, por exemplo) e gestantes.

Veja também:

Viajantes internacionais devem tomar dose padrão

Viajantes internacionais, que devem apresentar comprovante de viagem no ato da vacinação, também precisam tomar a dose integral. Durante a campanha de vacinação, todos esses públicos receberão a dose normal.

A vacina contra a febre amarela não valia só por 10 anos?

Até 2016, o Ministério da Saúde considerava que quem era vacinado contra a febre amarela deveria tomar uma dose de reforço após 10 anos. Contudo, em 2017, o Brasil passou a adotar a recomendação da OMS (Organização Mundial da Saúde), que é a de vacinar contra febre amarela apenas uma vez na vida. Agora, para o governo brasileiro, assim como para a OMS, a dose integral da vacina oferece proteção para a vida toda.

Para quem a vacina é contraindicada?

A vacina contra a febre amarela é contraindicada para pacientes em tratamento de câncer, pessoas com imunossupressão e pessoas com reação alérgica grave à proteína do ovo. A vacinação contra febre amarela impede a doação de sangue por um período de quatro semanas.

Lista de municípios de São Paulo com vacinação fracionada

  • Aparecida
  • Arapei
  • Areias
  • Bananal
  • Bertioga
  • Caçapava
  • Cachoeira Paulista
  • Canas
  • São Paulo
  • Caraguatatuba
  • Cruzeiro
  • Cubatão
  • Cunha
  • Diadema
  • Guaratinguetá
  • Guarujá
  • Igaratá
  • Ilhabela
  • Itanhaém
  • Jacareí
  • Jambeiro
  • Lagoinha
  • Lavrinhas
  • Lorena
  • Mauá
  • Mongaguá
  • Monteiro Lobato
  • Natividade da Serra
  • Paraibuna
  • Peruíbe
  • Pindamonhangaba
  • Piquete
  • Potim
  • Praia Grande
  • Queluz
  • Redenção da Serra
  • Ribeirão Pires
  • Rio Grande da Serra
  • Roseira
  • Santa Branca
  • Santo André
  • Santos
  • São Bento do Sapucaí
  • São Bernardo do Campo
  • São Caetano
  • São José do Barreiro
  • São José dos Campos
  • São Luís do Paraitinga
  • São Sebastião
  • São Vicente
  • Silveiras
  • Taubaté
  • Tremembé
  • Ubatuba

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos