Topo

Tecnologia

Transporte


Preço do Uber sobe mais de 400% durante temporal no Rio, dizem internautas

Carl de Souza/AFP
Caos causado por tempestade fez o preço dos serviços de corrida compartilhada disparar Imagem: Carl de Souza/AFP

Thiago Varella

Colaboração para o UOL, em Campinas (SP)

2019-04-09T16:11:45

09/04/2019 16h11

Resumo da notícia

  • Graças ao caos decorrente da chuva e demanda por transporte, preços dispararam
  • Corridas que custariam cerca de R$ 70 ou 80 estavam saindo por R$ 359 e 386.
  • Tarifa dinâmica é a explicação para os preços no aplicativo

As tarifas dos aplicativos de transporte, como o Uber, dispararam no Rio de Janeiro na segunda-feira (8) por causa das tempestades que caíram na cidade, segundo relatos de usuários do Twitter. As chuvas também causaram interdições de vias, congestionamento e lotação no transporte público, além de destruição.

No Twitter, o comunicador Rene Silva relatou que uma viagem de cerca de 34 km da Barra da Tijuca até a Penha estava saindo por R$ 359,03 pelo UberX, a modalidade mais barata. Normalmente, o valor seria em torno de R$ 70.

Segundo Silva, em seu post, era mais fácil "se hospedar num hotel na Barra da Tijuca do que voltar para Penha."

Já Vitor Cachoeira, também no Twitter, contou que estava passando pelo mesmo drama. Da Barra da Tijuca até a região de Campo Grande, uma viagem pelo UberX de cerca de 40 km estava custando R$ 386,45, com 15% de desconto. Normalmente, o valor seria em torno de R$ 80.

Mais tarde, também no Twitter, Cachoeira contou que levou oito horas para chegar em casa em uma jornada em que pegou metrô, ônibus, BRT, Uber e ainda precisou andar em ruas alagadas.

Vou de app! Na briga com o Uber, os táxis não morreram

Confira o especial
A alta no preço do Uber durante fortes chuvas é comum por causa da tarifa dinâmica. Por esse sistema de cobrança, quanto mais pessoas pedem viagens na mesma área, maior será o preço da tarifa. Isso incentiva mais motoristas a irem até a região para suprir a demanda de viagens. Durante uma tempestade, muita gente acaba pedindo um Uber para evitar ficar na rua esperando um ônibus ou caminhar até uma estação de metrô. Com o aumento da demanda, o preço sobe.

No Twitter também surgiram piadas sobre um suposto "Uber boat" um serviço de barcos que o Uber teria criado para os cariocas atravessarem as ruas alagadas da cidade. Apesar da boa ideia, o serviço, claro, é apenas uma brincadeira.

Até o momento, são sete os mortos por decorrência das tempestades.