PUBLICIDADE
Topo

EUA oferecem ajuda para encontrar avião da AirAsia

28/12/2014 16h58

WASHINGTON, 28 dez 2014 (AFP) - Os Estados Unidos anunciaram neste domingo sua disposição de ajudar nas buscas do avião da AirAsia que desapareceu durante um voo entre Indonésia e Cingapura, com 162 pessoas a bordo.

"As autoridades da região dirigem as operações de busca do avião desaparecido. Como já ocorreu no passado, os Estados Unidos estão dispostos a ajudar, de qualquer maneira possível", disse um funcionário do departamento de Estado, acrescentando que não havia cidadão americano no aparelho.

O Bureau Nacional de Segurança dos Transportes (NTSB, em inglês) comunicou que poderá enviar investigadores se houver uma solicitação neste sentido.

"Estamos acompanhando o desaparecimento do aparelho e monitorando a situação. Se formos solicitados, poderemos enviar investigadores (...) que trabalharão como assessores técnicos da agência que lidera as buscas", disse um porta-voz do NTSB.

Um oficial do Pentágono informou que até o momento os Estados Unidos não receberam "qualquer pedido de assistência".

Segundo a Casa Branca, o presidente Barack Obama - atualmente de férias no Havaí - foi informado do incidente.

As operações de busca do avião com 162 pessoas a bordo, serão retomadas na segunda-feira, após sua interrupção neste domingo por falta de visibilidade.

O Airbus, com número de voo HZ8501, decolou do aeroporto internacional Juanda de Surabaya, no leste da ilha indonésia de Java, às 05h20, e seu pouso estava previsto em Cingapura às 08h30 (22h30 de Brasília).

Segundo a companhia aérea, no voo havia 156 indonésios, três sul-coreanos, um malaio, um cingapuriano, um britânico e um francês (o co-piloto).

Notícias