Polônia, um ninho de amor para o leão branco

Borysew, Polónia, 22 Set 2016 (AFP) - Quatro pequenos filhotes de leão branco nasceram em um zoológico privado de Borysew, na Polônia, aumentando para 14 o número de membros da família dessa espécie, uma variação genética pouco frequente.

"Fizemos a população mundial aumentar 15%", comemorou o proprietário do parque, Andrzej Pabich.

"A seleção (dos reprodutores) dá muito trabalho e, depois, é necessário escolher bem a alimentação e o ambiente para ter tantos nascimentos", disse Pabich, enquanto acariciava um desses grandes felinos através da jaula.

Os filhotes, pequenas bolas de pelo branco, vão-se alimentar durante alguns meses exclusivamente de leite materno.

"Eles começam a comer carne aos seis meses, talvez um pouco antes. Nessa idade, eles podem ser separados da sua mãe", disse o funcionário do zoológico Tomasz Fornalczyk.

O leão branco é uma espécie mutante desse felino. Pode ser encontrado na natureza em algumas reservas sul-africanas, mas, principalmente, em jardins zoológicos no mundo todo.

O zoológico de Borysew registrou um outro evento feliz nesta quinta-feira, com o nascimento de três filhotes de tigre branco.

Os leões e tigres brancos são extremamente raros, havendo apenas algumas centenas em todo o mundo, e não são albinos. Sua aparência se deve um gene recessivo.

sim-via/ib/an/jz/db/tt

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos