Frio extremo se instala no Canadá

Ottawa, 28 dez 2017 (AFP) - O frio polar envolve praticamente a totalidade do Canadá, com os termômetros abaixo de -40 graus Celsius e sem a esperança de que a temperatura suba nos próximos dias, alertaram nesta quinta-feira as autoridades.

A agência federal nacional, Environnement Canada, multiplicou as advertências pela onda de frio e pediu aos cidadãos que se mantivessem em alerta e evitassem os deslocamentos.

"O resfriamento eólico e as temperaturas muito frias apresentam um perigo elevado para a saúde, como queimaduras e hipotermia", indicou a agência federal de serviços meteorológicos.

O Ministério da Saúde advertiu que a pele exposta poderia congelar em menos de 10 minutos em locais onde as temperaturas se aproximavam de -35ºC.

As temperaturas mais baixas foram registradas nas províncias de Alberta, Saskatchewan e Manitoba, no centro e oeste do país, e no norte de Ontário.

"Esta manhã fazia -40 graus em Geraldton, ao norte de Ontário, sem contar a sensação pelo vento", indicou à AFP o meteorologista da Environnement Canada, Alexandre Parent.

"É preciso voltar até 1993 para encontrar este tipo de episódios em Ontário e Quebec", acrescentou.

O ar ártico associado a ventos fortes provocou um resfriamento extremo em lugares como Whitehorse (nordeste), onde se preveem tempestades de gelo.

Segundo a Environnement Canada, está previsto que a onda de frio se prolongará até o início de janeiro de 2018.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos