Incêndio em hospital da Coreia do Sul deixa pelo menos 33 mortos

Seul, 26 Jan 2018 (AFP) - Um incêndio em um hospital da Coreia do Sul deixou nesta quinta-feira pelo menos 33 mortos e dezenas de feridos, segundo a agência de notícias sul-coreana Yonhap.

O incêndio ocorreu na cidade de Miryang, no sudeste do país asiático. Em imagens de vídeo e em fotografias se via que um helicóptero sobrevoava o hospital, envolto em uma nuvem de fumaça e rodeado por vários caminhões do Corpo de Bombeiros.

O edifício de cinco andares abriga uma residência de idosos além do hospital. Segundo Yonhap, que cita os bombeiros presentes no local, o fogo tirou a vida de 33 pessoas e 13 estão gravemente feridas.

Outras 61 pessoas sofreram ferimentos leve, informou o porta-voz dos bombeiros.

"Duas enfermeiras disseram ter visto o fogo entrar na sala de emergência", contou um funcionário dos bombeiros, Choi Man-Woo.

Todos os pacientes foram retirados do hospital de Miryang e de uma residência de idosos do mesmo edifício, acrescentou.

"As vítimas procedem tanto do hospital como da residência de idosos. Algumas morreram a caminho do hospital", indicou.

Havia cerca de 200 pessoas no prédio quando o incêndio começou. Ainda não se sabem as causas, informou a polícia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos