PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Advogado de atriz pornô Stormy Daniels quer fazer Trump depor pelo escândalo

28/03/2018 18h12

Washington, 28 Mar 2018 (AFP) - O advogado de Stormy Daniels, a estrela pornô que diz ter tido uma relação de uma noite com Donald Trump, disse na quarta-feira (28) que quer obrigar o presidente a declarar sobre o acordo de confidencialidade que assinou com sua cliente.

Michael Avenatti apresentou a petição na terça-feira ante o tribunal de Los Angeles que está atendendo a ação de Daniels, em busca de que o acordo com Trump seja declarado sem validez.

A moção pede ao tribunal que ordene que Trump e seu advogado pessoal, Michael Cohen, sejam convocados para depor durante duas horas antes do julgamento.

Daniels, cujo nome verdadeiro é Stephanie Clifford, assinou o acordo de confidencialidade dias antes das eleições presidenciais de 2016, por 130.000 dólares.

"A moção está marcada para ser ouvida em 30 de abril de 2018. Estamos confiantes de que a Corte permitirá a descoberta solicitada depois de aplicar o precedente da Suprema Corte e a lei bem estabelecida na Nona Circunscrição", tuitou Avenatti.

Na segunda-feira, a Casa Branca disse que Trump "negou enérgica, clara e sistematicamente" as acusações de relações sexuais com Daniels.

Internacional