Juiz aposentado vai dirigir governo interino no Paquistão

Islamabad, 28 Mai 2018 (AFP) - Um juiz aposentado foi nomeado nesta segunda-feira (28) para dirigir o governo do Paquistão de forma interina até as eleições legislativas de 25 de julho, das quais sairá o novo Executivo.

O nome de Nasir ul-Mulk, de 67 anos, um ex-chefe da Suprema Corte atualmente aposentado, foi anunciado em entrevista coletiva pelo primeiro-ministro Shahid Khaqan Abasi e pelo líder da oposição na Assembleia Nacional, Khursheed Shah.

Abasi transfere seu cargo para Ul-Mulk em 31 de maio, último dia de seu mandato, e este nomeará um gabinete provisório até que se forme o governo resultante das legislativas.

A nomeação de Nasi ul-Mulk acontece dois dias depois de as eleições terem sido marcadas oficialmente para 25 de julho.

Os favoritos são o partido no poder, a Liga Muçulmana do Paquistão (PML-N), fundada pelo ex-primeiro-ministro Nawaz Sharif, destituído por corrupção em julho passado, e o Tehreek-e-Insaf - ou PTI - que significa "Movimento pela Justiça no Paquistão", de Imran Khan.

É a primeira vez na história paquistanesa - marcada por inúmeros golpes de Estado militares - que dois governos civis sucessivos terminam uma legislatura completa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos