PUBLICIDADE
Topo

Civil americano morre em ataque no norte de Iraque

27/12/2019 21h43

Washington, 28 dez 2019 (AFP) - Um funcionário terceirizado americano morreu e vários militares ficaram feridos num ataque com mísseis contra uma base no norte do Iraque na sexta-feira, informou a coalização liderada por Washington que luta contra o grupo jihadista Estado Islâmico.

"Um funcionário terceirizado civil americano morreu e vários membros do serviço americano e equipe iraquiana ficaram feridos num ataque com mísseis numa base militar iraquiana em Kirkuk", disse a coalizão num comunicado.

"As Forças de Segurança do Iraque lideram a resposta e a investigação", acrescentou, sem especificar a autoria do ataque.

Bases e representações dos Estados Unidos são alvos desde o final de outubro de uma série de ataques com mísseis que não foram reivindicados, mas Washington culpa os grupos paramilitares xiitas apoiados pelo governo do Irã, o que aumenta sua influência no Iraque, especialmente através de grupos armados.

Washington já apelou a Bagdá para proteger os pontos de interesse americanos no país.

O secretário de Defesa americano, Mark Epser, disse à imprensa no início deste mês que havia expressado sua "preocupação com ataques a bases no Iraque, onde poderiam ter tropas e equipamentos dos Estados Unidos", num telefonema para o primeiro-ministro interino do Iraque, Adel Abdel Mahdi.

Os Estados Unidos têm "o direito de autodefesa, portanto, pediremos aos nossos parceiros iraquianos que tomem ações proativas ... para assumir o controle".

O gabinete de Abdel pediu a todas as partes que "não poupem esforços para evitar uma escalada que ameace todas o lados", alertando que "decisões unilaterais desencadearão reações negativas que dificultarão o controle da situação".

wd/mdl/dga/yow/lca