PUBLICIDADE
Topo

ONU prevê muitos fenômenos meteorológicos extremos a partir de 2020

20.set.2019 - Mulher participa de Greve Mundial pelo Clima no Rio de Janeiro com máscara em defesa da Amazônia - Douglas Magno/AFP
20.set.2019 - Mulher participa de Greve Mundial pelo Clima no Rio de Janeiro com máscara em defesa da Amazônia Imagem: Douglas Magno/AFP

Da AFP, em Genebra

15/01/2020 13h29

Os anos de 2010 a 2019 foram os mais quentes já observados, alertou hoje a ONU, confirmando o inexorável aquecimento global da Terra, caracterizado pelo aumento de eventos climáticos extremos.

"Infelizmente, esperamos ver muitos eventos climáticos extremos em 2020 e nas próximas décadas, alimentados por níveis recordes de gases de efeito estufa que retêm calor na atmosfera", disse o secretário-geral da Organização Meteorológica Mundial (OMM), Petteri Taalas, em um comunicado.

Notícias