PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Um dos principais operadores de oleodutos dos EUA afetado por ciberataque

08/05/2021 13h03

Washington, 8 Mai 2021 (AFP) - A Colonial Pipeline, uma das principais operadoras de oleodutos dos Estados Unidos, teve que suspender todas as suas operações na sexta-feira após sofrer um ciberataque, disse a empresa que transporta diesel e gasolina por mais de 8.800 km de dutos no país.

"Em 7 de maio, a empresa Colonial Pipeline soube que estava sendo vítima de um ataque de cibersegurança", afirmou a empresa em comunicado.

Por causa disso, "todas as operações do oleoduto foram temporariamente interrompidas e alguns de nossos sistemas de TI foram afetados", acrescentou.

A Colonial Pipeline opera uma rede de oleodutos que conecta refinarias no Golfo do México ao nordeste dos Estados Unidos.

O grupo disse que entrou em contato com uma grande empresa de segurança cibernética para resolver o problema e acrescentou que abriu uma investigação sobre as causas do incidente.

"Entramos em contato com as autoridades policiais e outras agências federais", disse a empresa.

A Colonial Pipeline é a maior operadora de oleoduto para produtos refinados dos Estados Unidos.

Vários ataques cibernéticos afetaram os Estados Unidos nos últimos meses, incluindo o ataque cibernético massivo à SolarWinds, que comprometeu milhares de recursos de computação do governo.

O governo Joe Biden acusou a Rússia desse ataque e isso ocasionou sanções financeiras contra Moscou, assim como a expulsão de diplomatas.

vmt/lda/yo/bn

INMOBILIARIA COLONIAL