PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Adolescente palestino morre após disparos de forças israelenses na Cisjordânia

25/06/2022 08h21

Ramallah, Territórios palestinos, 25 Jun 2022 (AFP) - Um adolescente palestino morreu durante a madrugada de sexta-feira para sábado por ferimentos causados por disparos de soldados israelenses no norte da Cisjordânia ocupada, disseram fontes palestinas.

Mohammad Hamad, de 16 anos, foi ferido na noite de sexta-feira perto da cidade de Silwad, nos arredores de Ramallah, e morreu horas depois, disseram à AFP um vereador de Silwad e fontes de segurança.

O adolescente estava a caminho do assentamento de Ofra, vizinho de Silwad, quando foi ferido por soldados israelenses, disse o vereador.

Uma porta-voz do exército israelense disse à AFP que vários palestinos se reuniram perto de Silwad e que "alguns suspeitos atiraram pedras em veículos civis que passavam pela Rodovia 60 [a estrada principal que atravessa a Cisjordânia], colocando suas vidas em perigo".

"Os soldados que estavam lá fizeram prisões usando métodos operacionais normais e disparando balas reais como último recurso", disse ela.

O exército israelense confirmou que um palestino foi baleado, sem fornecer mais detalhes.

Desde o final de março, as forças de segurança multiplicaram as operações em Israel e na Cisjordânia após uma série de ataques de palestinos e árabes israelenses nos quais 19 pessoas morreram, a maioria civis.

Nessas batidas policiais, pelo menos 46 palestinos e três agressores árabe-israelenses morreram, alguns membros de grupos armados, mas também numerosos civis, incluindo uma renomada jornalista da Al Jazeera que cobria uma operação em Jenin.

he-dms/ybl/dbh/ag/jvb/zm/aa