'Não há solução única' para o fornecimento de energia, diz representante da Opep na COP28

Não existe um caminho único para alcançar um fornecimento de energia sustentável no futuro, declarou neste sábado (9) o representante do secretário-geral da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) na COP28.

"Não existe uma solução única ou um caminho único para alcançar o fornecimento sustentável de energia no futuro", declarou o diretor de pesquisa da Opep, Al Qahtani, em nome do secretário-geral Haitham Al Ghais, na plenária de ministros presentes na COP28, em Dubai.

"Precisamos de políticas realistas para reduzir as emissões, que permitam o crescimento econômico, que ajudem a erradicar a pobreza e a aumentar a resiliência ao mesmo tempo", acrescentou.

O Acordo de Paris de 2015 para combater a mudança climática "concentra-se na redução das emissões, em vez de escolher fontes de energia", lembrou o representante da organização.

Al Ghais causou polêmica esta semana ao enviar uma carta aos seus 13 países membros e aos seus doze aliados para defender os combustíveis fósseis em Dubai. 

O apelo do secretário-geral da Opep provocou fortes críticas na conferência do clima, na qual muitos países querem dar um passo adiante e anunciar oficialmente que o mundo deve encerrar a era do petróleo, do gás e do carvão.

jz/an/aa

© Agence France-Presse

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora