Fuga em massa de detentos deixa uma dezena de mortos no Haiti

Pelo menos uma dezena de pessoas morreram depois que grupos criminosos atacaram na noite de ontem a principal prisão da capital do Haiti e provocaram a fuga de milhares de detentos, informaram neste domingo uma ONG e um jornalista da AFP.

"Foram contabilizados muitos corpos de detentos", declarou o diretor executivo da Rede Nacional de Defesa dos Direitos Humanos (RNDDH), Pierre Espérance, ressaltando que apenas uma centena de presos permaneciam hoje na Penitenciária Nacional de Porto Príncipe, dos cerca de 3.800 que havia antes do ataque.

Um jornalista da AFP visitou a prisão na manhã de hoje e pôde observar uma dezena de corpos nos arredores do local.