ArtRio abre 6ª edição com foco nos colecionadores e curadores

Paulo Virgílio

Evento que já alcançou reconhecimento internacional em seu segmento, a feira ArtRio teve sua sexta edição aberta para convidados nessa quarta-feira (28), no Pier Mauá, região portuária do Rio. A partir de hoje (29) e até domingo (2), o público poderá visitar em três antigos armazéns do porto os estandes de 73 galerias de arte moderna e contemporânea, nacionais e estrangeiras.

Nesta edição, além de apresentar o melhor do cenário da arte brasileira e mundial, a ArtRio também pretende se firmar como um evento com resultados expressivos para as galerias em termos de geração de negócios. Segundo seus organizadores, a feira é uma plataforma, com desdobramentos ao longo de todo os 12 meses seguintes, atingindo diferentes públicos na difusão do segmento de arte no país.

"Nosso foco este ano está nos colecionadores e curadores brasileiros e internacionais, que vêm ao evento a convite da ArtRio. Temos que ter em mente também que o momento é muito favorável à arte brasileira, que nos últimos anos teve forte projeção no mercado internacional", explicou Brenda Valansi, idealizadora da ArtRio.

Segundo ela, a feira também está aberta às novas tendências do mercado. "Continuamos com nossa meta de apresentar galerias e artistas novos, possibilitando novas descobertas e uma oxigenação do mercado", disse.

Este ano, são 19 as novas galerias, sendo 11 brasileiras e as demais da Argentina, Alemanha e dos Estados Unidos. Na lista dos participantes que já vêm de outras edições do evento, estão galeristas de mais três países - França, Suíça e Uruguai.

A feira está organizada em dois programas. Do primeiro, Panorama, participam galerias nacionais e estrangeiras com atuação estabelecida no mercado de arte moderna e contemporânea, enquanto o segundo, Vista, é voltado para galerias jovens, com projeto de curadoria experimental e foco na arte contemporânea emergente.

A doação de obras para museus e coleções públicas do Brasil também é uma das metas da ArtRio. Nas últimas edições da feira, foi firmada uma parceria com o Museu de Arte do Rio (MAR), estimulando visitantes a adquirir obras para doação à instituição. O MAR recebeu mais de 40 doações adquiridas na feira.

Realizada pela Bex Produções, a ArtRio tem como patrocinador master o Bradesco, por meio da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura. As galerias participantes passam pela aprovação de um comitê de seleção, com base em critérios como os artistas representados e o número de exposições feitas no ano.

No ano passado, a ArtRio recebeu cerca de 45 mil visitantes, entre compradores, artistas e pessoas apenas interessadas em apreciar as obras dos acervos das galerias participantes. A visitação, de quinta-feira a sábado, é das 13h às 20h, e no domingo, das 13h às 19h.

Os ingressos custam R$ 30 e R$ 15 a meia-entrada. O Pier Mauá fica na Avenida Rodrigues Alves, 10, no Boulevard da Orla Conde, na região portuária do Rio.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos