Centro de treinamento do Fluminense é invadido por homens armados no Rio

Flávia Villela - Repórter da Agência Brasil

Homens armados invadiram o Centro de Treinamento do Fluminense, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro e agrediram dois seguranças na noite de ontem (24). Um deles, teve o braço direito quebrado.  Segundo o comando da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Cidade de Deus, os policiais da unidade foram acionados por volta das 20h. Como o espaço é monitorado por câmeras, a polícia foi acionada rapidamente. Ao chegar no local, os policiais trocaram tiros com os invasores e um policial ficou ferido na mão. Um dos bandidos foi preso e dois fugiram.

Os feridos foram levados para o Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, mas já passam bem. O policiamento na região foi reforçado. O caso foi registrado na 32ª Delegacia de Polícia (Taquara).

Por nota, o clube informou que nada foi levado do local e que todas as medidas estão sendo tomadas. "O Fluminense conta com o apoio e todo o empenho do Poder Público para que incidentes como este não voltem mais a ocorrer", conclui a nota.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos