Temer presta condolências ao Reino Unido após ataque em Londres

Marcelo Brandão - Repórter da Agência Brasil*

O presidente da República, Michel Temer, expressou seu pesar à Primeira-Ministra do Reino Unido, Theresa May, após o ataque ocorrido hoje (22) nas proximidades da sede do Parlamento britânico, em Londres. Em carta enviada pelo Palácio do Planalto e assinada por Temer, ele falou em solidariedade ao povo britânico e repúdio a atos extremistas violentos.

"Em nome do povo e do governo brasileiros, e em meu próprio, estendo a Vossa Excelência, e a todos os londrinos e britânicos, nossa mais sentida solidariedade. Nossos pensamentos voltam-se, muito especialmente, para as vítimas e seus familiares. O Brasil associa-se ao Reino Unido e a todos os que compartilham a convicção na força da democracia e repudiam qualquer forma de extremismo violento", disse a carta divulgada pelo Palácio do Planalto na noite de hoje (22).

Quatro pessoas morreram e ao menos 20 ficaram feridas em um duplo ataque ocorreu hoje perto da sede do Parlamento britânico, em Londres, confirmou um porta-voz da polícia metropolitana, Scotland Yard. A polícia acredita que apenas um homem foi o responsável por atropelar pedestres com um veículo na Ponte de Westminster e logo depois esfaquear um policial em frente ao Parlamento, informou o subcomissário Mark Rowley.

Entre os mortos estão uma mulher, o policial, o autor do ataque e uma pessoa, ainda não identificada. O  responsável pelo ataque foi morto a tiros por policiais.


*com informações da Agência DPA

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos