PUBLICIDADE
Topo

Tropas federais são aguardadas com tensão e comércio fechado na Rocinha

Vladimir Platonow - Repórter da Agência Brasil

22/09/2017 15h15

Os momentos que antecedem a chegada das tropas federais na Rocinha são marcados por tensão entre os moradores e a maior parte do comércio fechado. Pessoas chergam e saem apressadamente da comunidade, com medo de possíveis confrontos. Cerca de 700 homens do Exército são aguardados para a tarde de hoje (22) na favela. Eles vão fazer um cerco e ajudar as polícias Militar e a Civil no combate aos traficantes, que desde o último domingo disputam o controle do território do local. Por volta das 15h, a PM prendeu um homem na parte baixa da comunidade , mas não informou o motivo da prisão. A Autoestrada Lagoa-Barra foi reaberta há cerca de 30 minutos em ambos os sentidos. Apesar da tensão, não foram ouvidos tiros nas últimas horas.