Força-tarefa do Inmetro vai inspecionar postos de combustíveis de Goiás

Aécio Amado - Repórter da Agência Brasil

Os postos de combustíveis do estado de Goiás vão passar por inspeção e auditoria do Instituto Nacional de Metrologia Qualidade e Tecnologia (Inmetro). Hoje (24), o Diário Oficial da União publica portaria do Inmetro que institui uma força-tarefa com esse objertivo. A medida visa a apurar denúncias de corrupção no setor, apresentadas à Polícia Federal (PF).

As denúncias levaram a PF deflagrar a Operação Pesos e Medidas no último dia 17, para desarticular uma associação criminosa que vinha atuando contra o Inmetro em Goiás, por meio da prática de crimes de corrupção.

A investigação, iniciada em 2015, constatou o recebimento de propina por fiscais do órgão que deveriam fazer testes de volumetria nos bicos das bombas de combustível dos postos para evitar lesão aos consumidores.

De acordo com a PF, além de receber propina de donos de postos, os investigados faziam fiscalização a mando de proprietários de outros postos, com o objetivo de dificultar a ação da concorrência.

Durante a operação, os policiais federais cumpriram dez mandados de prisão em Brasília, além de Anápolis e Goiânia, em Goiás.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos