Sem Geddel, Planalto poderá ter tranquilidade para avançar em reformas, diz Doria

Brasília - O prefeito eleito de São Paulo, João Dória, afirmou há pouco que o PSDB continuará apoiando o governo do presidente Michel Temer para "garantir estabilidade". Ele lamentou a saída de Geddel Vieira Lima da Secretaria de Governo, mas considerou a decisão positiva para o governo.

"No momento essa é a melhor alternativa. A situação sem o ministro Geddel pode dar tranquilidade para que o Planalto precisa para seguir avançando nas reformas e nas medidas que o País precisa", afirmou. Dória disse ainda que não há nenhum prejuízo para o PSDB por permanecer na base do governo Temer.

"Esse momento de transição com presidente Temer deve ser mantido para que País seja pacificado, retome crescimento econômico e se prepare para as eleições de 2018", afirmou.

Dória participa de congresso para prefeitos eleitos do PSDB, promovido pelo Instituto Teotônio Vilela (ITV), ligado ao partido. Em discurso inflamado, afirmou que sua vitória nas eleições não foi apenas dele ou do governador paulista, Geraldo Alckmin. "Foi a vitória do Brasil. Foi vitória que varreu o PT da cidade de São Paulo", disse.

"Nossa vitória ajudou o PT a ser menor em todo Brasil", emendou. Dória disse ainda que prezará pela gestão, eficiência e transparência, novas bandeiras de seu governo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos