Rodrigo Maia diz que só recebeu doações oficiais da Odebrecht

Denise Luna

Rio

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, negou que tenha recebido doações ilegais da construtora Odebrecht, conforme denúncias que geraram investigações que envolvem também seu pai, Cesar Maia, um dos possíveis candidatos ao governo do Estado do Rio de Janeiro no ano que vem.

Rodrigo Maia disse que recebeu apenas "doações oficiais" da construtora. "Foi doação oficial, está na minha prestação de contas, e não há nenhuma contrapartida dita por ninguém, então se está na minha doação oficial e não tem contrapartida, é doação oficial, 2010 e 2014", afirmou o deputado nesta sexta-feira, 29, no Rio.

"Mas a partir do momento que se quer criar uma ilação para se prejudicar a política, alguns querem isso, eu explico tudo a esse respeito", completou o presidente da Câmara.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos