CEOs de empresas britânicas assinam carta contra saída da UE

LONDRES, 23 FEV (ANSA) - Os líderes de algumas das maiores empresas britânicas, entre elas a easyJet, a Vodafone e a Shell, assinaram uma carta aberta defendendo a permanência do Reino Unido na União Europeia (UE).   

Os britânicos devem ir às urnas no próximo dia 23 de junho para decidir sobre o futuro do país em referendo convocado pelo premier David Cameron neste final de semana.   

Segundo os altos executivos, o Reino Unido "será mais forte, mais seguro e melhor se continuar como um membro" do bloco europeu.   

"Após o acordo assinado pelo primeiro-ministro, acreditamos que o Reino Unido se beneficiará mais permanecendo na UE. Ele assegurou um compromisso do bloco em reduzir o fardo das regulamentações, aprofundando o mercado único e assinado acordos de trocas internacionais cruciais", disseram os empresários sobre o acordo assinado por Cameron em Bruxelas após longa discussão com seus colegas europeus na semana passada.   

A carta foi assinada pelos presidentes de cerca de um terço das empresas listadas no FTSE 100, o índice principal da Bolsa de Valores de Londres. O pedido para sair do bloco, no entanto, também tem um forte representante. O prefeito da cidade de Londres, Boris Johnson, anunciou no começo desta semana que fará campanha a favor da saída do Reino Unido da (UE). A decisão do carismático e popular prefeito representa um duro golpe para o premier David Cameron sobre o tema, conhecido como "Brexit". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos