Festa na Islândia foi até de madrugada, conta brasileira

SÃO PAULO, 28 JUN (ANSA) - As vitórias históricas da Islândia na Eurocopa têm feito o país de apenas 330 mil habitantes habituar-se a uma rotina diferente: com ruas lotadas de fãs, os moradores e turistas vivenciam um período inesquecível.   


Foi o que comprovou a brasileira Alessandra Klinosviski, que passa férias no país e assistiu a partida contra a Inglaterra em Rejkjavik, a capital do pequeno país.   


"O povo aqui tá [sic] muito feliz, eles não estão acreditando no que tá acontecendo. Os bares ficaram lotados ontem até de madrugada com o pessoal comemorando", contou à ANSA.   


A brasileira acompanhou a partida através de um telão instalado em uma rua de Reykjavik e disse que "a cidade parou na hora do jogo", sendo que "grande parte da população estava nas ruas vendo o jogo".   


Klinoviski relatou ainda que, após o confronto, tentou ir a um restaurante e estava "tudo lotado". "O que é extremamente incomum aqui na Islândia", ressaltou.   


Um dos fatos curiosos para a brasileira é que todos os islandeses que viu comemoravam "como se fossem a família deles" e que "todo mundo aqui é meio primo de todo mundo".   


A impressão de Klinovski tem razão de ser. Após ter se classificado na fase de grupos da Euro 2016, o zagueiro Kari Arnason contou ao jornal "Daily Mirror" que era "inacreditável" ter 10 mil islandeses no estádio vendo a partida contra a Áustria. "É como ter sua família toda aqui. Eu provavelmente conheço 50% dos islandeses que estão nas arquibancadas ou, ao menos, os reconheço", disse.   


Segundo estimativas do próprio governo da Islândia, 27 mil islandeses haviam comprado ingresso para as partidas da competição antes do início da Eurocopa - o que equivale a 8% dos habitantes do país. O número deve aumentar consideravelmente no próximo domingo (03), quando a equipe enfrentará os anfitriões franceses nas quartas de final.   


Outro dado interessante é que a partida de ontem, contra os ingleses, fez com que 99,8% dos islandeses estivessem assistindo o jogo na televisão. Apenas 650 pessoas que assistiam a programação televisiva optaram por outro programa. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos