Itália proíbe venda de bebidas alcoólicas durante Champions

ROMA, 27 ABR (ANSA) - Para evitar novos confrontos entre torcedores do Liverpool e da Roma, as autoridades italianas proibiram por três dias a venda e o consumo de bebidas alcoólicas nos arredores do Estádio Olímpico.   


A nova ordem, que será anunciada ainda hoje (27), faz parte de uma série de medidas de segurança a ser adotada, após o confronto entre torcedores, no Reino Unido, no qual deixou um homem gravemente ferido.   


A proibição será válida entre os dias 1 e 3 de maio, além disso, ninguém poderá consumir bebidas em garrafas de vidro em todo centro histórico da "cidade eterna".   


Até o momento, dois torcedores da Roma já foram indiciados pela briga nos arredores do Estádio Anfield Road, em Liverpool. Sean Cox, um irlandês de 53 anos, está hospitalizado em coma após ter sido golpeado na cabeça por um cinto durante a confusão.   


No entanto, torcedores da Roma e do Liverpool fizeram uma campanha online e arrecadaram cerca de 40 mil euros para ajudar na recuperação de Cox, que é torcedor fanático do clube inglês.   


Após a vitória dos "reds" sobre a Roma por 5 a 2, as duas equipes voltam a se enfrentar no dia 2 de maio, no Estádio Olímpico, na Itália, em partida válida pelas semifinais da Liga dos Campeões. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos