TIM libera chamadas de voz sem consumo no WhatsApp

SÃO PAULO, 03 MAI (ANSA) - A operadora TIM apresentou nesta quinta-feira (3) sua nova estratégia para o mercado brasileiro, que é baseada na inclusão de aplicativos em seus planos sem comprometer a franquia de internet.   


Daqui para frente, a empresa oferecerá apps como Facebook, Instagram, Twitter, WhatsApp, Messenger, Waze e Easy Taxi no TIM Pré, no TIM Controle e no TIM Black. O acesso aos aplicativos sem prejudicar o tráfego de dados já virá em alguns planos ou poderá ser adquirido de forma avulsa.   


Nos apps de mensagens instantâneas (WhatsApp e Messenger), o benefício incluirá chamadas de voz (VOIP), marcando uma mudança na tradicional postura das operadoras contra esse tipo de serviço. "A regra do jogo está mudando", afirmou o COO da TIM Brasil, Pietro Labriola, durante coletiva de imprensa em São Paulo.   


Os aplicativos foram divididos em três pacotes: comunicação (WhatsApp e Messenger), mobilidade (Waze e Easy Taxi) e redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), que estarão disponíveis de acordo com o plano contratado pelo cliente.   


O uso de redes sociais sem consumir a franquia, por exemplo, faz parte dos planos pós-pagos de 10, 15 e 50GB. No entanto, no TIM Controle e no TIM Pré o pacote de redes sociais pode ser comprado de forma avulsa, por sete (R$ 8 e R$ 10, respectivamente) ou 30 dias (R$ 20).   


Já os pacotes de mobilidade e comunicação estão inclusos em todas as opções do TIM Black - WhatsApp e Messenger também foram disponibilizados em toda a gama de planos pré-pagos. "O setor de telecomunicações está entendendo a necessidade do cliente. Seis, sete anos atrás era falar. Depois começou a ser navegação de dados. Agora o modelo de funcionamento é baixar os aplicativos e usá-los", acrescentou Labriola.   


Outra aposta da TIM é a parceria com o YouTube, que entra no pacote de vídeo dos planos Black, que oferecem o dobro da internet contratada para assistir a conteúdos de Netflix, Esporte Interativo Plus, Looke e Cartoon Network.   


As mudanças são automáticas para clientes TIM Black e TIM Controle a partir desta quinta, mas começam a valer para usuários TIM Pré em 15 de maio. "Esses são os primeiros aplicativos, os primeiros pacotes. A gente vai ver como os clientes reagem. Hoje é o primeiro passo, mas vamos evoluir fortemente nesse sentido", prometeu Renato Ciuchini, diretor de marketing da TIM. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos