Topo

China solta funcionário de consulado britânico em Hong Kong

24/08/2019 08h37

PEQUIM, 24 AGO (ANSA) - A China informou neste sábado (24) que liberou o funcionário do consulado britânico em Hong Kong Simon Cheng, de 28 anos, que tinha sido preso no último dia 8 de agosto.   

Cheng vive em Hong Kong, mas foi detido em uma viagem para a cidade de Shenzhen. As autoridades chinesas acusaram o jovem de envolvimento com prostituição, mas a mídia britânica suspeita que o crime tenha sido usado apenas como pretexto contra Cheng.   

O jovem trabalha como oficial de comércio e investimento no consulado do Reino Unido em Hong Kong. Segundo o porta-voz do Ministério de Relações Exteriores chinês, o funcionário foi colocado em detenção administrativa por 15 dias por violar a lei sobre Administração de Segurança da China, que cobre uma série de delitos que não são considerados crimes.   

O caso chamou a atenção porque a China e o Reino Unido têm um histórico de confronto político pela disputa do controle de Hong Kong, que foi ex-colônia britânica. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Mais Notícias