PUBLICIDADE
Topo

Saúde

Conteúdo publicado há
1 mês

Cuba inicia vacinação anticovid em crianças a partir de 2 anos

Governo de Cuba deu início ao processo de vacinação contra o coronavírus em crianças maiores de dois anos - ROBERTO CASIMIRO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO
Governo de Cuba deu início ao processo de vacinação contra o coronavírus em crianças maiores de dois anos Imagem: ROBERTO CASIMIRO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

17/09/2021 13h54Atualizada em 17/09/2021 17h21

HAVANA, 17 SET (ANSA) - Os centros de saúde de Cuba iniciaram nesta semana uma campanha de vacinação anticovid para crianças a partir de dois anos de idade.

A vacina escolhida para a campanha foi a "Soberana 2", um dos cinco imunizantes anticovid que as empresas farmacêuticas do país desenvolveram até o momento.

Nas últimas semanas, diversas nações anunciaram planos de vacinar crianças pequenas, mas Cuba se tornou o primeiro país a imunizar esse grupo de pessoas.

Segundo a Agência Cubana de Notícias (ACN), citando o jornal "Tribuna", a primeira fase da campanha atingirá por volta de 186 mil crianças da capital Havana, com idades entre dois e dez anos.

As crianças mais novas receberão as doses nas escolas primárias, já as mais velhas em centros hospitalares.

Desde o início da pandemia de covid-19, Cuba registrou 768.497 casos e 6.523 mortes em função da doença, segundo dados do Ministério de Saúde Pública da nação (Minsap). (ANSA).

Saúde