Macri lança plano para digitalizar e tornar governo mais transparente

Buenos Aires, 22 fev (EFE).- O presidente da Argentina, Mauricio Macri, anunciou nesta segunda-feira a implementação de um plano para digitalizar e tornar mais transparente o governo argentino, com o objetivo de modernizar a gestão e situar o país, em um prazo de quatro anos, entre os dez do mundo que dão mais acesso à informação.

Em entrevista junto ao ministro de Modernização, Andrés Ibarra, e oo chefe de Gabinete, Marcos Peña, Macri se comprometeu a terminar com "os trâmites eternos" e as "filas intermináveis" para "que o Estado deixe de ser um lugar desordenado, desarticulado, obscuro e sem informação".

O plano, que será promulgado mediante a publicação de um decreto nos próximos dias, orientará as instituições do Estado para que os trâmites sejam digitalizados.

A medida também incluirá a publicação de informação da gestão de governo, como, por exemplo, a criação de uma plataforma unificada para divulgar as compras do Estado.

O líder argentino destacou que fomentará a capacitação de funcionários públicos e que o acesso a todas as vagas será feito por concurso, em meio a um conflito com os sindicatos de trabalhadores estatais pela saída em massa de empregados das instituições, que na quarta-feira se tornará uma greve.

Macri detalhou que a Argentina está na 54ª posição da lista de países com os governos mais abertos do mundo e que se propõe a "estar em quatro anos entre os dez países do mundo com maior acesso à informação".

"Nenhuma destas transformações que encaramos serão feitas de um dia para o outro", especificou o presidente, antes de ressaltar que está comprometido com o objetivo de fazer com que o Estado "esteja a serviço do povo".

"É preciso passar das palavras aos fatos, sermos responsáveis na hora de administrar, de prestar contas", prosseguiu Macri, que pediu aos governadores provinciais e aos prefeitos para que se unam ao processo para cristalizar e digitalizar.

Ibarra analisou com mais detalhes os diferentes eixos do plano, como a "despapelização" da administração, o lançamento de um portal de dados abertos, a comparação de compromissos e resultados e o desenvolvimento dos recursos humanos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos