Premiê da Austrália participa pela 1ª vez de desfile LGBT de Sydney

Sydney (Austrália), 5 mar (EFE).- A comunidade de gays e lésbicas de Sydney, na Austrália, realizou neste sábado o Mardi Gras, tradicional desfile que, pela primeira vez, contou com a participação de um primeiro-ministro do país, o líder da coalizão conservadora Malcolm Turnbull.

Os organizadores estimam que 500 mil pessoas foram às ruas da cidade na 38ª edição do desfile, composto por mais de 12.500 pessoas e 175 carros alegóricos.

Turnbull, cujo distrito eleitoral faz parte do trajeto percorrido pelo desfile, participa do evento todos os anos, mas esta foi a primeira-vez que compareceu como chefe do governo, uma circunstância que evitou valorizar.

"Isso deve ser julgado pelos outros, mas esse é um ato no qual Lucy (sua mulher) e eu participamos ao longo de muitos anos. Acho que é um evento maravilhoso na vida de Sydney e estou encantado de estar aqui", disse Turnbull à emissora "ABC".

O primeiro-ministro assumiu o cargo em setembro do ano passado, após uma revolta interna no Partido Liberal que o permitiu desbancar Tony Abbott, representante da ala mais conservadora da legenda.

O líder da oposição, Bill Shorten, também compareceu ao desfile, do qual também participaram vários atletas, incluindo medalhistas olímpicos australianos, para lutar contra a homofobia no esporte.

Cerca de 40 agentes das forças de segurança também desfilaram no Mardi Gras, que ocorreu poucos dias depois de o governo do estado de Nova Gales do Sul ter pedido desculpas pela violência policial na primeira edição do evento em 1978.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos