Pai da censura na China é surpreendido burlando a mesma em público

Pequim, 6 abr (EFE).- O engenheiro Fang Binxing, conhecido por ter projetado o sistema que bloqueia o acesso a vários sites estrangeiros na China, entre eles Google, Facebook e YouTube, foi surpreendido recentemente usando uma rede VPN em público para burlar sua própria criação.

Segundo informações repercutidas nesta quarta-feira nas redes sociais chinesas, Fang usou uma VPN, uma rede privada virtual, que permite acesso às páginas bloqueadas na China, durante uma conferência no Instituto de Tecnologia de Harbin, no nordeste da China.

O engenheiro foi a primeira vítima de seu próprio sistema, pois em sua exposição queria mostrar um site sul-coreano, mas este foi bloqueado, portanto, teve que usar a VPN, de acordo com uma notícia que foi veiculada pela primeira vez pelo jornal de Hong Kong, "Ming Pao".

Segundo essa publicação, Fang conectou a VPN para simular uma navegação na rede a partir da Coreia do Sul, e assim mostrar ao público, em defesa de sua censura, que esse país também bloqueia alguns sites - no caso, aqueles que apresentam uma visão positiva da Coreia do Norte.

Esse incidente gerou muitas piadas e comentários entre internautas da China, onde Fang é um personagem bastante impopular, muitos deles ironizando a censura sofrida pelo próprio censor.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos