Chuvas e inundações deixam 12 desaparecidos e 400 mil desabrigados na China

Pequim, 19 jun (EFE).- Inundações registradas na região central da China neste fim de semana deixaram pelo menos 12 desaparecidos e 400 mil desabrigados, informou neste domingo a agência "Xinhua".

Na cidade de Huanggang, na província de Hubei, choveu 251 milímetros por metro quadrado de sábado até hoje, o que provocou o desabamento de casas, pontes, diques e estradas. Além disso, o acúmulo de água provocou a inundação de plantações.

As autoridades tiveram que retirar 400 mil pessoas de suas casas, enquanto tentam recuperar os sistemas de telecomunicações.

As fortes chuvas também afetaram o sul e o leste do país nesta semana, e as autoridades confirmaram que pelo menos 13 pessoas morreram na quinta-feira após graves inundações e deslizamentos.

O serviço meteorológico da China manteve hoje o alerta amarelo - o terceiro em uma escala de quatro níveis - na maior parte do país, que chegarão aos 200 milímetros nos próximos dois dias em algumas regiões.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos