Sobe para 98 mortos e 800 feridos número de vítimas por tornado na China

Em Pequim

  • Reuters

O número de mortos pelo tornado e as tempestades de grande intensidade que afetaram a cidade de Yangcheng, na China, na quinta-feira (23), subiu para 98 e o de feridos passou para 800, anunciaram as autoridades locais.

Os serviços de emergência seguem realizando os trabalhos de resgate e auxílio nas zonas devastadas por uma série de tempestades nos arredores da cidade, na província de Jiangsu.

Além do tornado, que foi o pior registrado na região desde 1966, fortes rajadas de vento, temporais e tempestades de granizo atingiram várias comunidades rurais dos arredores da cidade, destruindo diversas casas.

O tornado, de uma intensidade poucas vezes vista na China, arrancou árvores, postes elétricos e de telecomunicações, arrastou veículos e inclusive o telhado de uma fábrica de componentes de energia solar, segundo as autoridades.

O temporal, com ventos de até 125 km/h, arrasou várias comunidades rurais dos condados de Funing e Sheyang, nos arredores de Yangcheng.

As autoridades locais emitiram um alerta por conta do temporal extremo e tentaram evacuar a área, onde vivem aproximadamente 2 milhões de pessoas, pouco antes da chegada do tornado, mas o aviso chegou tarde demais para muitos cidadãos.

Os serviços de emergência estiveram trabalhando toda a noite, com o auxílio de muitos voluntários civis, tentando resgatar as vítimas dos escombros e bombeando água das áreas inundadas.

O governo provincial enviou cerca de 700 bombeiros de diferentes pontos de sua demarcação.

O presidente da China, Xi Jinping, que está em visita oficial ao Uzbequistão, ordenou o máximo esforço para resgatar as vítimas e realojar os desabrigados.

Na última semana, mais de 140 pessoas morreram em diferentes regiões da China por causa das fortes tempestades de verão (hemisfério norte), que causaram inundações, deslizamentos de terra e desmoronamentos de casas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos