Polícia holandesa "socorre" boneca inflável por crer que era uma mulher real

Redação Central, 28 jun (EFE).- A polícia da Holanda reconheceu nesta terça-feira que tentou resgatar uma mulher aparentemente inconsciente em sua casa, na cidade de Amsterdã, após uma denúncia de vários vizinhos, mas, posteriormente, descobriu que se tratava de uma boneca inflável.

Em mensagem publicada em sua página do Facebook, a polícia do distrito oeste da capital holandesa admitiu que os agentes chegaram a arrombar a porta da casa e entraram com desfibriladores por terem pensado que a mulher poderia ter sofrido um parada cardíaca.

"Era uma mulher sem vida, feita de plástico e cheia de ar", afirmou a polícia em sua mensagem.

Após observar uma mulher com roupas íntimas e sem se movimentar por um longo período de tempo no interior de uma casa, os agentes bateram na porta várias vezes, mas não obtiveram resposta. Com isso, os policiais acabaram forçando sua entrada no imóvel, segundo o jornal "Telegraaf".

De acordo com esse veículo, a polícia decidiu retirar a boneca inflável da janela para que nenhum outro vizinho ficasse intrigado com seu imobilismo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos