Continuam em Amatrice busca por sobreviventes após devastador terremoto

Amatrice (Itália), 26 ago (EFE).- A busca por sobreviventes centra ainda nesta sexta-feira, três dias depois do terremoto de 6 graus na escala Ritcher, os trabalhos de resgate na cidade italiana de Amatrice (centro), onde nas últimas horas foram sentidos novos tremores.

Os membros dos corpos de resgate desdobrados nesta pequena cidade de montanha trabalham a contra-relógio porque as horas passam e a probabilidade de encontrar pessoas com vida sob os escombros se reduzem.

Membros da Guarda di Finanza, no entanto, manifestaram nas últimas horas à Agência Efe que ainda há esperanças de achar alguma pessoa com vida entre os escombros.

Os trabalhos de resgate continuaram durante toda a noite, sem interrupção, enquanto os mil evacuados passaram essas horas fora de suas casas, a maioria delas destruídas.

Alguns se acolherem em tendas de campanha dos acampamentos habilitados pela Defesa Civil, outros dormiram em povoados vizinhos que não sofreram danos ou em casas de familiares.

Na madrugada foram sentidos novos tremores nos arredores de Amatrice e inclusive provocaram novos desabamentos, como em um povoado situado em uma das estradas de acesso a Amatrice, que obrigou as autoridades a interromper o tráfego.

Um dos tremores alcançou 4,8 graus na escala Richter nas zonas já afetadas pelo terremoto de 24 de agosto.

A terra não deixou de tremer e durante a noite ocorreram mais de 60 réplicas de magnitude entre 3 e 4. A maior foi a durante a manhã de hoje, que além disso durou mais de um minuto, segundo os dados do Instituto Italiano de Geofísica e Vulcanologia.

O número de mortos pelo terremoto que castigou o centro da Itália na madrugada de quarta-feira já é de 267 pessoas, embora sejam provisórios, como apontou a Defesa Civil.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos