Em meio a pequenos tremores, Itália se despede de quase 300 mortos em terremoto

Em Roma

  • Gregorio Borgia/AP

Novas réplicas do terremoto que atingiu o centro da Itália na quarta-feira (24) foram registradas na madrugada deste sábado (27) na província de Ascoli Piceno. O tremor mais forte, segundo o Instituto Nacional de Geofísica e Vulcanologia (INGV), foi detectado por volta das 4h50 (hora local) e atingiu magnitude 4 na escala Richter.

Esta réplica aconteceu precisamente onde começaram hoje os primeiros funerais dos quase 300 mortos no terremoto de quarta. Na cerimônia em Ascoli Piceno está prevista a participação do presidente italiano, Sergio Mattarella, além do primeiro-ministro Matteo Renzi.

Imagens de drone mostram vilarejo destruído após terremoto na Itália

  •  

O último balanço divulgado pela Defesa Civil da Itália informou que subiu para 291 o número de mortos por conta do terremoto. Os números atualizados foram conhecidos após Sergio Pirozzi, prefeito de Amatrice, a cidade mais afetada pelo tremor, anunciar a descoberta de mais três corpos.

Em Amatrice, portanto, foram encontrados, até o momento, 224 corpos. Já em Arquata del Tronto permanece o número de 49 mortos, e em Accumoli foram 11 pessoas, de acordo com a Defesa Civil italiana.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos