Grupo vinculado ao EI decapita 4 rebeldes no sul da Síria

Beirute, 25 nov (EFE).- Um grupo vinculado à organização terrorista Estado Islâmico (EI) decapitou quatro milicianos rebeldes durante um ataque no oeste da província síria de Deraa, no sul do país, informou nesta sexta-feira o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

A ONG informou que nas últimas horas membros do Exército de Khaled bin Walid, relacionado ao EI, atacaram um posto de controle de uma brigada rebelde em uma região entre os povoados de Ain Dakr e Tasil, no oeste de Deraa.

Os aliados dos jihadistas decapitaram quatro dos insurgentes do posto de controle e assassinaram um quinto a tiros, disse o Observatório, que não detalhou o grupo rebelde ao que pertenciam as vítimas.

A parte ocidental de Deraa é palco há meses de combates entre facções opositoras sírias e o Exército de Khaled bin Walid, que causaram dezenas de mortos e feridos em ambos os grupos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos