Desabamento de túnel em Gaza deixa quatro palestinos mortos

Gaza, 4 dez (EFE).- Os serviços de emergência de Gaza recuperaram neste domingo os corpos de quatro palestinos mortos com o desabamento de um túnel no qual trabalhavam na cidade de Rafah, junto à fronteira com o Egito, enquanto uma quinta continua desaparecido.

Segundo informou o porta-voz do Ministério da Saúde da Faixa, Ashraf Al Qedra, foram extraídos quatro corpos depois que cinco pessoas desapareceram na sexta-feira no desabamento.

As equipes de resgate trabalham para encontrar o desaparecido.

Mais de 20 palestinos morreram neste ano, a maioria deles membros do Hamas, enquanto estavam em corredores escavados em distintas partes da Faixa.

Gaza conta com vários túneis cavados em zonas fronteiriças.

Na divisória com o Egito são usados para introduzir materiais, produtos ou inclusive pessoas, e desviar assim do bloqueio imposto por Israel desde 2007, como é o caso do corredor que caiu neste fim de semana.

Nos últimos anos, as autoridades egípcias destruíram cerca de 95% destas construções.

Os outros túneis, na fronteira com Israel, têm um caráter ofensivo e foram o principal alvo da última operação militar israelense de envergadura contra o enclave litorâneo, em 2014, que em 50 dias causou a morte de cerca de 2.200 palestinos, dois terços deles civis, e de 73 israelenses, 67 deles soldados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos