Centenas de pessoas são detidas em operação contra prostituição em Pequim

Pequim, 26 dez (EFE).- Centenas de pessoas foram detidas este fim de semana em Pequim durante uma operação policial contra a prostituição em clubes noturnos da capital, informou a imprensa local citando fontes dos corpos de segurança.

As detenções aconteceram em três locais de lazer dos bairros de Dongcheng (centro da cidade) e Haidian (norte), entre eles o popular Baoli Club, afirmou o Birô de Segurança Municipal de Pequim em sua conta oficial no Weibo (equivalente chinês a Twitter).

Nesse último local, uma grande operação policial chegou sem aviso prévio na noite da sexta-feira, 23 de dezembro, bloqueou o estacionamento e deteve cerca de 60 pessoas, entre elas garçons e guardas de segurança.

Em outro dos clubes, chamado Landai, a Polícia deteve 300 empregados, entre eles uma centena de mulheres.

Os locais afetados foram fechados pelas autoridades, enquanto continuam as investigações, segundo o jornal oficial "Global Times". EFE

abc/ma

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos