Rússia não descarta hipótese de atentado terrorista em avião militar

Moscou, 29 dez (EFE).- As autoridades russas estão trabalhando com sete hipóteses distintas para determinar as causas do acidente envolvendo o avião militar que caiu no domingo no Mar Negro com 92 pessoas a bordo, e uma delas é a de atentado terrorista, revelou nesta quinta-feira o Ministério da Defesa da Rússia.

Embora os dados recolhidos pela caixa-preta antes do acidente permitam concluir que não houve explosão a bordo da aeronave, existe a possibilidade de falha mecânica provocada de forma proposital, explicou hoje em entrevista coletiva o chefe de segurança das Forças Aeroespaciais da Rússia, Sergei Bainetov.

Mesmo assim, a versão do atentado terrorista não é uma das prioritárias, ressaltou Bainetov.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos