Firma de consultoria responsabiliza colaborador por envelope errado no Oscar

Los Angeles (EUA), 28 fev (EFE).- O colaborador da empresa de consultoria PricewaterhouseCoopers, Brian Cullinan, foi quem entregou o envelope errado na cerimônia do Oscar durante o anúncio do prêmio de melhor filme, reconheceu nesta terça-feira a própria firma em comunicado.

A PricewaterhouseCoopers (Pwc) "assume total responsabilidade pela série de erros dos protocolos estabelecidos durante a noite do Oscar", diz o comunicado divulgado em seu perfil oficial no Twitter.

"Cullinan se equivocou e entregou o envelope com o prêmio de Melhor Atriz Protagonista, ao invés do com o de Melhor Filme, aos apresentadores Warren Beatty e Faye Dunaway", encarregados de anunciar o último prêmio da noite.

Uma vez que aconteceu o erro, "não foram seguidos os protocolos estabelecidos para corregi-lo de forma suficientemente rápida pelo senhor Cullinan e sua colaboradora", acrescentou a Pwc no comunicado.

Cullinan e Martha Ruiz eram os colaboradores da empresa de consultoria encarregados de entregar os envelopes com os premiados na festa da 89ª edição do Oscar.

Cullinan é desde 2014 o colaborador da Pwc responsável pela relação da companhia com a Academia de Hollywood, incluindo a contabilização dos votos dos prêmios, segundo destaca o site oficial da Pwc.

Martha Ruiz, que está há 19 anos na empresa, é a corresponsável do processo de contabilização dos votos do Oscar desde 2015.

Os dois eram os encarregados de entregar os envelopes com os nomes dos ganhadores aos apresentadores da cerimônia. Cada um ficou em uma extremidade do palco com um jogo inteiro dos envelopes.

Uma vez que um deles entregava um dos envelopes, o outro deveria rasgar o seu correspondente a essa mesma categoria.

Ruiz entregou o correspondente a Melhor Atriz ao apresentador, que era Leonardo DiCaprio, mas Cullinan não rasgou o seu, de modo que acabou entregando o envelope repetido a Beatty e Funaway.

Isto confirma a explicação que Warren Beatty deu no palco do Oscar quando descobriu o erro: "Quero contar o que aconteceu. Abri o envelope e dizia: 'Emma Stone - La La Land: Cantando Estações'. Por isso lancei um olhar tão longo a Faye (Dunaway) e a vocês (o público). Não estava tentava parecer divertido", disse o ator.

A Academia de Hollywood pediu perdão na segunda-feira pelo erro e anunciou que tomará as medidas apropriadas para manter a integridade dos prêmios.

"Passamos a última noite e hoje investigando as circunstâncias (do sucedido), e determinaremos que ações são apropriadas no futuro. Estamos firmemente comprometidos com a defesa da integridade do Oscar e da Academia", frisou a Academia de Hollywood.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos