Pelo menos 16 refugiados morrem em naufrágio perto de ilha grega de Lesbos

Atenas, 24 abr (EFE).- Pelo menos 16 refugiados, entre eles uma criança, morreram nesta segunda-feira nas águas do mar Egeu quando tentavam chegar à ilha grega de Lesbos provenientes da Turquia, informou o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur) na Grécia.

A embarcação, com 25 pessoas a bordo, naufragou por motivos ainda desconhecidos e até o momento somente duas pessoas foram recuparadas com vida, duas mulheres, uma delas em avançado estado de gestação.

A Guarda Costeira grega e a Frontex recuperaram até agora nove corpos, enquanto outros sete foram achados pelas autoridades turcas, segundo informam os meios locais.

Os mesmos meios apontam que a mulher grávida foi quem, depois de ser levada a um hospital da capital, Mitilene, deu os primeiros dados sobre o número de pessoas que estavam a bordo do bote.

De acordo com seu testemunho, a embarcação saiu da costa turca na madrugada de hoje com cerca de 25 pessoas e, por motivos ainda desconhecidos, tombou pouco antes de chegar ao litoral norte de Lesbos.

Segundo a Guarda Costeira grega, está descartado que o incidente tenha ocorrido pelo mau tempo, pois durante a manhã os ventos no mar Egeu não eram intensos.

Trata-se do primeiro acidente com vítimas mortais no mar Egeu há um ano.

As chegadas à Grécia diminuíram drasticamente desde a assinatura do acordo de devolução de refugiados assinados pela União Europeia (UE) e Turquia, em março do ano passado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos