Morrem 10 membros de forças de segurança afegãs em ataque perto de represa

Cabul, 25 jun (EFE).- Pelo menos dez membros das forças de segurança do Afeganistão morreram e outros quatro ficaram feridos em um ataque insurgente a um posto de controle próximo a uma represa no oeste do país, no qual também morreram quatro rebeldes, informou neste domingo a polícia.

O ataque aconteceu ontem à noite a 13 quilômetros da represa Salma, na província de Herat, segundo disse à emissora de televisão afegã "Tolo" o porta-voz da polícia provincial, Gelani Farhad.

Segundo o porta-voz, os insurgentes atacaram o posto de controle e roubaram grande parte do armamento das tropas afegãs.

Farhad, que acusou os talibãs pela ação e assegurou que quatro dos seus membros morreram no confronto com as forças de segurança, evitou dar mais detalhes sobre o ataque.

Nenhum grupo insurgente reivindicou por enquanto a autoria do ataque.

Em novembro passado, em uma guinada em sua política dos últimos 15 anos após destruir e bloquear o avanço de pontes, represas e estradas, os talibãs convocaram suas fileiras a proteger os projetos de construção de infraestruturas no país, em um anúncio que as autoridades afegãs tacharam de propaganda.

Desde o fim da missão de combate da OTAN em 2015, os insurgentes foram ganhando terreno em diversas partes do Afeganistão e atualmente controlam, têm influência ou disputam com o governo pelo menos 43% do território do país, segundo dados dos Estados Unidos. EFE

aa-mt/rsd

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos