PUBLICIDADE
Topo

Busca por desaparecidos após avalanche na Suíça é definitivamente suspensa

27/08/2017 07h20

Genebra, 27 (EFE).- A operação de busca e resgate dos oito desaparecidos após o deslizamento de rocha e pedras na quarta-feira passada da montanha Piz Cengalo, no cantão suíço de Grisones, foi definitivamente suspensa, confirmou hoje a Polícia local.

No total, 121 pessoas foram mobilizadas para localizar os alpinistas - dois de nacionalidade suíça, dois austríacos e quatro alemães - desaparecidos desde o desastre.

Na busca também foram usados helicópteros, cachorros e diferentes equipamentos para procurar pessoas.

A polícia chegou à conclusão de que os desaparecidos foram soterrados pela massa rochosa que chegou até o leito de um rio e provocou um deslizamento de terra na localidade de Bondo.

As autoridades expressaram sua solidariedade às famílias das vítimas e lhes propuseram irem até o local para ver pessoalmente o ocorrido e perceber a situação.

A polícia informou que a partir de agora as ações se concentrarão em diversas medidas de segurança no povoado de Bondo, cujos 200 habitantes foram evacuados e está ameaçado por novas avalanches e deslizamentos.