Naufrágio de balsa deixa 4 mortos e 14 desaparecidos no Marrocos

Rabat, 25 mai (EFE).- Pelo menos quatro pessoas morreram e outras 14 estão desaparecidas após o naufrágio de uma balsa em uma praia situada 40 quilômetros ao norte de Rabat, disseram nesta sexta-feira à Agência Efe fontes da Associação Marroquina de Direitos Humanos na região.

A balsa, na qual viajavam mais de 30 pessoas, naufragou entre a noite de quarta-feira e a madrugada de quinta-feira em frente à praia de Benmansur, na região de Kenitra, situada a mais de 200 quilômetros em linha reta das praias espanholas às quais teoricamente queria chegar.

Apenas 12 dos seus ocupantes puderam ser resgatados com vida, acrescentaram as fontes, enquanto quatro corpos (dois homens e duas mulheres) apareceram posteriormente em uma praia próxima.

Resta agora saber o paradeiro de outros 14 ocupantes da balsa, todos eles marroquinos.

Nenhuma fonte oficial marroquina se pronunciou sobre o naufrágio, apesar de terem sido consultadas pelos jornalistas.

Desde 2016 houve um aumento no trânsito de balsas entre Marrocos e Espanha, majoritariamente na região do Estreito de Gibraltar e da costa mediterrânea.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos