Responsáveis por ataque a Ministério afegão se disfarçaram de militares

Cabul, 30 mai (EFE).- Os insurgentes que atacaram nesta quarta-feira o Ministério do Interior do Afeganistão, onde deixaram nove mortos, estavam usando uniformes das tropas internacionais e utilizaram dois veículos idênticos aos manuseados por estes soldados.

O porta-voz do departamento atacado, Najib Danish, precisou em entrevista coletiva que um dos agressores se imolou depois que as forças de segurança descobriram a trama enquanto os outros conseguiram atravessar o primeiro controle de segurança.

"Este grupo de agressores chegou em dois Land Cruiser e estava completamente disfarçado e preparado como as tropas internacionais", disse Danish, ao agregar que as forças afegãs o pararam para a identificação, apesar das vestimentas.

Inicialmente, a fonte indicou que dez insurgentes tinham participado da ação, mas posteriormente rebaixou o número para oito, sendo que um morreu ao explodir as bombas que levava junto ao corpo, enquanto os outros foram mortos pelas forças de segurança ao chegarem ao segundo controle de segurança.

Além dos agressores, o atentado, que se prolongou durante cerca de duas horas, causou a morte de um policial e deixou cinco membros das forças de segurança feridos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos